Como escolher uma empresa de aparelhos auditivos?

Como escolher uma empresa de aparelhos auditivos?

Como escolher uma empresa de aparelhos auditivos?

A empresa de aparelho auditivo deve prestar uma assistência que vai além da comercialização dessas tecnologias. É preciso ter conhecimento de mercado para consolidar o nome após anos de experiência.

Isso porque os aparelhos auditivos são dispositivos sensíveis, que têm diversas funcionalidades e carecem de cuidados tanto no processo de adaptação do paciente quanto na substituição do produto, se necessário. Portanto, é essencial buscar por companhias idôneas e comprometidas em prover os recursos tecnológicos para o paciente.

Também é necessário que prestem esclarecimentos aos especialistas que os indicam e avaliem constantemente a percepção do usuário. Quer saber o que valorizar em uma empresa de aparelho auditivo? Então, não perca as dicas que daremos a seguir!

Por que é essencial escolher um bom aparelho auditivo?

Os indivíduos com perda auditiva, ao compreenderem o problema, solicitam aparelhos que sejam discretos e eficientes, com reduzida geração de ruídos e durabilidade significativa. Isso porque tais dispositivos serão seus companheiros para todas as atividades pessoais e profissionais, resgatando a capacidade auditiva perdida por diversas condições clínicas.

Na ansiedade de iniciar o uso desses aparelhos, porém, alguns optam por tecnologias de menor custo e abrem mão do acompanhamento de um profissional. Como resultado, essas pessoas frustram suas expectativas durante o tratamento.

Por isso, é essencial buscar referências de empresas que comercializam os aparelhos auditivos. Investigue o tipo de suporte que é fornecido aos usuários e quais são as opções disponíveis para aquisição.

O que valorizar em uma empresa de aparelho auditivo?

O que valorizar em uma empresa de aparelho auditivo?

Sabendo da importância da aquisição de um aparelho auditivo, é fundamental buscar referências pessoais e profissionais de instituições especializadas nesse nicho de atendimento. Também é interessante atentar a outros fatores que contribuem para a escolha e manutenção do aparelho mais indicado ao tipo de perda auditiva do paciente. Veja mais sobre isso a seguir.

Especialidade no nicho

A empresa de aparelho auditivo deve demonstrar especialidade na área e em todas as variáveis relacionadas à recuperação da capacidade de ouvir melhor do indivíduo.

Para tanto, é preciso que sejam especialistas no ramo e também comercializem acessórios que facilitam a manutenção e o ajuste dessas tecnologias. Isso favorece a maior durabilidade e atrai aqueles indivíduos que queiram adquirir produtos diferenciados.

Uma das formas de verificar essa especialidade é observando os itens comercializados tanto na loja física quanto na virtual. Se a empresa estiver ofertando além dos produtos necessários para ouvir melhor, não é um bom sinal, pois seus atendentes não terão domínio mercadológico dos aparelhos, fornecendo informações vagas ou pouco válidas para a compra desses itens.

Cuidado pós-venda

A empresa que se preocupa com os produtos comercializados mantém uma relação eficiente com os pacientes após a compra. Sabe-se que o cuidado pós-venda garante a confiabilidade na instituição.

Sendo assim, um contato telefônico e mensagens via aplicativos ou e-mails podem ser a porta de entrada para solucionar dúvidas sobre o manuseio da tecnologia ou elogiar a empresa pelo produto adquirido.

Isso aproxima o consumidor, facilita a propagação positiva das ações das empresas e pode servir como um gatilho para melhorar a percepção em relação ao atendimento prestado. Também servirá como levantamento estatístico para nortear as próximas ações em prol de benefícios aos usuários

Bom relacionamento com os fonoaudiólogos

Uma empresa de aparelho auditivo não deve se importar somente com o volume de vendas dos produtos. É preciso ampliar os contatos profissionais e favorecer a troca de oportunidades.

Esse processo precisa ser facilitado principalmente com os fonoaudiólogos, profissionais que indicam o uso de aparelhos para seus pacientes. Sendo assim, é interessante mantê-los sempre atualizados sobre as novidades tecnológicas no ramo auditivo.

Algumas empresas também realizam treinamentos com esses profissionais sobre as principais indicações dos aparelhos, as tendências do mercado audiológico e como está a aceitação sobre determinadas tecnologias — tanto pelo paciente quanto pelo mundo afora.

Bom atendimento

Atender bem é uma tarefa essencial nos dias de hoje. Porém, é possível ir além da educação e da disponibilidade para sanar todas as dúvidas do futuro comprador do aparelho auditivo.

Cabe aos profissionais do atendimento esclarecer sobre as diferenças entre os dispositivos, alertando quanto aos cuidados de manuseio, armazenamento e custos de cada produto. Também é aconselhável que os atendentes selecionem as opções do item conforme as recomendações dos especialistas, de forma a contemplar a necessidade dos pacientes.

Qualidade dos aparelhos

Uma empresa de excelência deve comercializar produtos otológicos de qualidade e reconhecidos internacionalmente, além de sempre avaliar a linha de tecnologias oferecida. Para tanto, é fundamental conhecer profundamente o mecanismo de ação dos aparelhos auditivos, prover informações em linguagem acessível aos usuários e realizar trocas mediante as condições preestabelecidas.

Da mesma maneira, é interessante oferecer os aparelhos mais inovadores a um custo-benefício favorável aos usuários, facilitando a aquisição. Isso significa que a empresa deve contar com itens condizentes com a situação econômica do indivíduo, mas que sejam igualmente eficientes em seus propósitos.

Tal processo agrega confiança ao relato dos atendimentos e diminui o caráter mercantilista da situação. Como resultado, é possível satisfazer a esses usuários e outros que serão positivamente indicados pelos compradores.

Por que o pós venda é importante?

É muito importante você entender o que é um pós-venda para não ser lesado futuramente após a compra do seu aparelho auditivo. O pós-venda nada mais é que um atendimento ao paciente que é realizado depois que a compra é efetuada. Nesse momento, a empresa reunirá diversas estratégias para melhorar a sua experiência e manter um relacionamento duradouro com o cliente.

O objetivo aqui é fidelizá-lo, e para chegar a esse fim, as empresas que se importam com o bem-estar de seus pacientes não vão medir esforços para estreitar esse relacionamento e fazer com que você se sinta bem com o aparelho adquirido.

Como funciona um pós-venda?

Depois de conhecer o seu conceito, é hora de entender como o pós-venda deve funcionar. Em primeiro lugar, a empresa precisa demonstrar agradecimento pela aquisição que você realizou. Depois disso, ela deve estar disponível para atendê-lo sempre que o aparelho auditivo necessitar de algum ajuste ou reparo. Essa é uma característica que evidencia a credibilidade e preparo da organização.

Após a compra, observe se a empresa se preocupa em se certificar que o produto está proporcionando os resultados esperados, se não apresentou nenhum problema, se você está satisfeito com o aparelho auditivo etc. Por fim, analise também se ela se interessa em mantê-lo atualizado sobre as novidades do mercado, inovações dos aparelhos, entre outros assuntos do seu interesse.

Como identificar um pós-venda eficiente?

A principal característica que um negócio deve ter é o foco no paciente. A A&R Aparelhos Auditivos, por exemplo, está sempre preocupada com que você se sinta bem e faz de tudo para deixá-lo mais seguro. Seus pacientes, geralmente, não têm nenhuma queixa porque a empresa consegue ajustar, adaptar e estar sempre acompanhando o caso de cada um deles bem de perto. Além disso, não perde o contato e vai mantendo-os informados — justamente para que não fiquem abandonados nessa fase.

A dica aqui é priorizar companhias que focam nesse processo de garantir a qualidade, segurança e conforto. Durante a primeira consulta, uma investigação deve ser realizada para você saber se terá direito a retornos, a repetir o exame de audiometria a cada 6 meses etc.

Além disso, a A&R conta com um o programa de benefícios em que o cliente ganha as pilhas e conta com ajuste remoto. A própria empresa já dá sinais de que ele terá um acompanhamento pós-venda — e é muito importante ficar atento, se questionar e questionar as organizações sobre o que será feito por você depois que comprar o aparelho: como será, se você poderá continuar indo nas consultas, se elas terão que ser pagas, se serão sem ônus etc.

Essa investigação é muito importante para garantir uma escolha adequada e que atenda a todas as suas necessidades.

Caso algum aparelho venha a dar problema, precise de ajuste ou da troca, entenda como o processo será feito. Na A&R, os profissionais trabalham com o sistema de agendas. Eles telefonam ou mandam um WhatsApp e as recepcionistas perguntam a preferência de dia e horário — e, de acordo com isso, elas agendam a consulta para realizar os devidos reparos.

Vale ressaltar que os pacientes podem vir a qualquer momento, não só nos dias pré-agendados no dia da consulta.

Qual a importância de priorizar o pós-venda?

O pós-venda é importante porque a empresa precisa garantir a adaptação do paciente. O período de experiência (em que o paciente fica com os aparelhos em casa) serve para ele sentir os benefícios e as melhoras que terá com o acessório. A adaptação em si e a melhora dos resultados auditivos vem com o tempo, e esse período da adaptação pode ser fácil para algumas pessoas, mas pode ser mais demorado para outras.

O pós-venda serve justamente para a empresa continuar dando apoio ao paciente sempre que ele precisar. No caso da A&R, se o paciente tem uma queixa, está tendo alguma dificuldade ou alguma questão que está difícil de entender, eles sempre oferecem todo o apoio necessário para poder fazer os ajustes e adaptar o aparelho da melhor forma possível.

Assim, o paciente consegue usar o aparelho com mais segurança e confiança, pois ele tem todo o apoio necessário.

A A&R tem os retornos programados , que são menos espaçados, de 3 em 3 meses. Depois, passa a fazer de 6 em 6 meses, e isso ajuda com que a empresa consiga deixar o paciente bem-adaptado prontamente.

A A&R Aparelhos Auditivos é líder no Brasil da marca Signia. Ela ganhou o primeiro lugar nas revendas do Brasil e um dos motivos é justamente a assistência no pós-venda, que é o seu maior foco.

Como você pode perceber, contar com uma empresa séria e que se preocupa com o seu bem-estar é fundamental para garantir o sucesso na adaptação ao aparelho auditivo. Você bem sabe que esse período não é nada fácil, pois são muitos desafios que precisam ser enfrentados para melhorar a sua qualidade de vida. Mas quando fazemos isso sozinhos, sem o suporte necessário, tudo se torna mais difícil.

Por que buscar informações sobre a empresa?

Por que buscar informações sobre a empresa?

Como se trata de um mercado relativamente pequeno, é crucial que os futuros compradores já se encaminhem para as empresas com nome fortalecido pelos usuários e profissionais. Portanto, as companhias que oferecem diferenciais ao cliente e um contato proveitoso com os fonoaudiólogos, além de produtos de excelente qualidade, serão as mais cotadas pelo indivíduo interessado.

Nesse sentido, a A&R proporciona uma experiência gratificante para seus clientes e preza por aprimorar constantemente sua relação com eles. Prova disso é o recebimento do prêmio de 1º lugar no Brasil em desempenho de atendimento, entregue pela Sivantos.

Buscar pelas referências de uma empresa de aparelho auditivo é essencial para quem valoriza a compra do produto. Deve-se observar a assistência técnica que será prestada antes, durante e após a aquisição da tecnologia mais adequada à limitação auditiva. Também é importante verificar a qualidade dos produtos comercializados, o tipo de atendimento dado aos fonoaudiólogos e a capacidade de resolução dos problemas.

Agora que você já se convenceu da excelência na prestação de serviços da A&R, entre em contato conosco e obtenha mais detalhes!

Compartilhar este Artigo