Problemas auditivos e perda do paladar: entenda a relação!

Problemas auditivos e perda do paladar: entenda a relação!

Problemas auditivos e perda do paladar: entenda a relação!

Os cinco sentidos — visão, audição, olfato, tato e paladar — são conectados de modo a permitir que os seres humanos tenham uma interação melhor com o mundo externo. Por isso, embora poucas pessoas saibam, a perda do paladar pode estar relacionada a problemas auditivos.

Como o paladar e a audição estão interligados fisiologicamente a partir do nervo chamado corda do tímpano, o ouvido tem conexão direta com as papilas gustativas. Desse modo, ambos os sentidos auxiliam o cérebro a receber informações sobre o alimento.

Se você tem percebido a diminuição do paladar, a causa pode estar na audição. Continue lendo e saiba mais sobre o assunto. Vamos lá?

Como funciona a relação entre audição e perda do paladar?

Existem quatro sabores que o cérebro reconhece: doce, salgado, ácido e amargo. A visão e o olfato são os primeiros sentidos que identificam o alimento, mas a audição e o paladar são os mais importantes em relação ao recebimento das informações sobre gostos.

Isso acontece porque, como mostramos, o paladar e a audição estão diretamente interligados pela corda do tímpano. Esse nervo conecta as papilas gustativas da língua, responsáveis pela identificação dos sabores, ao ouvido.

Assim, problemas auditivos podem significar diminuição ou perda do paladar, considerando a obstrução no canal de comunicação entre ouvido e papilas gustativas. Caso você tenha percebido a diminuição do seu paladar, verifique como anda a saúde de sua audição para reverter esse problema com mais agilidade.

Quais são as causas desse problema?

Quais são as causas desse problema?

Diversos fatores relacionados à audição levam à perda ou diminuição do paladar. Por isso, é preciso consultar um médico otorrinolaringologista para entender o que exatamente o afetou. Quer saber quais são as principais causas desse problema? Confira abaixo.

Infecções

Causadas por vírus ou bactérias, as infecções no ouvido podem ser bastante dolorosas. Geralmente, elas aparecem como sintomas de outra doença, como gripe ou sinusite. A otite, como é chamada, acomete o ouvido médio, localizando-se atrás do tímpano.

Nas infecções, o ouvido médio se enche de líquido. Isso obstrui o canal de comunicação entre as papilas gustativas e o órgão que identifica os sons. Quando são leves, elas desaparecem sozinhas.

No entanto, caso o incômodo não desapareça, pode ser necessário fazer uso de medicamentos e compressas no local. Nessa segunda hipótese, a otite é chamada de crônica ou de longo prazo, merecendo mais atenção para não se tornar recorrente, ou seja, para não acontecer com frequência.

Cirurgias no ouvido

A realização de cirurgias no ouvido também pode provocar a diminuição ou perda do paladar. Isso ocorre porque a corda do tímpano pode ser danificada durante o procedimento cirúrgico, trazendo efeitos relacionados a esse outro sentido.

Entre os tipos mais comuns de cirurgia, podemos citar:

  • timpanoplastia;
  • estapedectomia;
  • mastoidectomia.

A primeira refere-se à reconstrução da membrana do tímpano, responsável por proteger o ouvido e transformar os sons externos em vibração. Essa estrutura também ajuda na identificação de sons agudos, sendo essencial para o bom funcionamento da audição.

A estapedectomia é utilizada para corrigir um problema genético — um distúrbio que atrapalha a chegada do som até o ouvido interno. Já a mastoidectomia tem o objetivo de melhorar a audição do paciente que sofreu infecções crônicas.

Caso você tenha passado por algum desses procedimentos e sentido a perda ou a diminuição do paladar, pode ser que a corda do tímpano tenha sido danificada. Agende uma visita ao médico para verificar o que ocorreu.

Idade avançada

Com o avanço da idade, a audição pode ser prejudicada devido à maior ocorrência de infecções, traumas ou uso de medicamentos. Diante da deterioração natural da corda do tímpano, o paladar também acaba sendo lesado.

Por isso, mesmo sem uma causa específica — como infecções ou cirurgias recentes —, o paciente com mais idade pode sentir a perda do paladar. A razão desse problema pode estar relacionada à audição.

Como os problemas auditivos são tratados?

Como os problemas auditivos são tratados?

A recuperação e o tratamento para reverter a diminuição do paladar relacionada a problemas auditivos são diferentes de acordo com cada causa e a idade do paciente. Eles podem envolver medicamentos, intervenções cirúrgicas ou cuidados específicos.

O tempo de recuperação também varia conforme o histórico de cada paciente, por isso, não há uma regra aplicável a todas as pessoas que apresentem perda do paladar. Desse modo, é fundamental procurar um médico especialista assim que os primeiros sintomas na audição ou no paladar começarem a aparecer para iniciar o tratamento quanto antes.

Apenas o especialista — um médico otorrinolaringologista — é capaz de analisar todo o histórico do paciente e avaliar as possíveis causas da perda do paladar. Tenha em mente que essa situação pode estar relacionada a problemas auditivos e inicie rápido o tratamento indicado.

Viver com qualidade é essencial para realizar todas as tarefas cotidianas, seja para trabalhar, seja para aproveitar momentos com a família ou comparecer a eventos sociais. Para que isso seja possível, é fundamental contar com os cinco sentidos funcionando perfeitamente. Se você perceber qualquer alteração em sua audição ou paladar, procure auxílio médico e garanta um dia a dia mais feliz.

Os problemas auditivos podem ser a causa de deficiências no paladar, o que é uma surpresa para muitas pessoas. Por isso, é importante entender a relação entre a audição e a perda do paladar, saber quais são as possíveis causas desse problema e, além disso, compreender como o tratamento ideal pode ser indicado.

Caso você identifique alteração em seu paladar, não deixe de lado a possibilidade de problemas auditivos serem a raiz do problema. Agende uma visita ao médico o mais rápido possível e encontre a solução para os seus incômodos na audição e no paladar. Depois, aproveite o seu cotidiano com mais qualidade.

As informações do nosso artigo foram úteis? Você ficou com alguma dúvida? Deixe um comentário aqui no post. Ficaremos felizes em responder a sua solicitação!

Compartilhar este Artigo